Saiba quando comprar passagem aérea para obter os melhores preços

Parte essencial de qualquer viagem é a compra das passagens. Se forem aéreas, é sempre importante considerar que o preço dos tickets de tal forma de transporte oscila muito, o que pode comprometer o orçamento dos viajantes desavisados.

Por isso, é essencial saber quando comprar passagem de avião para conseguir viajar pagando menos e, quem sabe, aproveitar o dinheiro economizado no destino. Para facilitar sua vida e ajudar seu bolso, neste post vamos explorar quais fatores impactam na composição dos bilhetes das companhias áreas e o que você pode fazer para economizar na escolha. Boa leitura e bom voo!

De que maneira o valor das passagens aéreas é definido?

A composição dos preços dos bilhetes aéreos é bastante complexa, com inúmeras variáveis interferindo. Além disso, diferentemente de outros meios de transporte, não há regulamentações sobre os valores das passagens de avião, o que faz com que a flutuação seja livre.

Nessa conta, entram principalmente a demanda de passageiros para o destino escolhido e a antecedência do voo, conforme exploraremos mais abaixo neste conteúdo. Outros aspectos aparentemente menores também fazem o preço subir ou descer, como o dia da semana da viagem ou mesmo seu horário.

Assim, é extremamente comum que passagens idênticas, com o mesmo destino e tipo de poltrona, tenham preços discrepantes. Por isso, economizar com passagens aéreas envolve um exercício de planejamento, paciência e até um pouquinho de sorte.

Como cada fator impacta no preço das passagens?

Diante do fato de que o valor a ser pago pelas passagens é composto por meio de uma estratégia de preço complexa, deve-se conhecer como cada fator contribui para isso. Abaixo, listamos os principais pontos a serem observados e o que você deve fazer para contorná-los ou usá-los a seu favor.

Antecedência

Como regra, quanto menor for o tempo para a viagem, maior será o preço a ser pago. Portanto, para economizar, planeje-se e busque sempre adquirir os bilhetes com antecedência.

Não há uma regra para isso, mas o recomendável é fazer a compra em períodos que vão de seis meses a 30 dias antes do embarque (no caso de voos internacionais). Em trajetos nacionais, a janela para conseguir preços melhores é um pouco maior, podendo chegar até 20 dias antes da viagem.

Destino e época do ano

Pensando em viajar nas férias? Que tal no ano-novo? Provavelmente, várias pessoas terão a mesma ideia, o que fará o preço das passagens subir às alturas. Por isso, quem quer economizar deve conhecer quais são os momentos de pico das cidades e dos países desejados para ter flexibilidade quanto a isso.

É normal, por exemplo, que julho e agosto concentrem os principais fluxos de turistas rumo a localidades no hemisfério norte, como Estados Unidos e Europa. Isso porque tal período concentra as férias escolares longas e o clima mais confortável do verão nos referidos locais.

A mesma lógica vale para os meses de dezembro e janeiro, uma vez que inúmeros turistas desejam passar a virada do ano em cidades turísticas ou desfrutar do inverno nesses países. Feriados prolongados também costumam encarecer o preço dos bilhetes — principalmente para destinos mais próximos, como outros países da América do Sul.

Diante dessas circunstâncias, seja flexível e mantenha a mente aberta para viagens em épocas do ano não tão comuns ou mesmo destinos menos conhecidos. Mas pense sempre em opções que estejam dentro de suas possibilidades.

Que tal viajar no meio do semestre e não no período de maior fluxo? Ou pegar um voo mais barato, mesmo que tenha um número maior de conexões, e assim conhecer essas outras cidades pelo caminho?

Para quem não conta com tanta flexibilidade, a recomendação é tentar ao menos viajar evitando passagens para os fins de semana quando a procura é maior. Bilhetes marcados para terças ou quartas costumam ter um preço mais em conta do que aqueles comprados para uma sexta ou um domingo.

Promoções

Do mesmo modo que certos fatores elevam o preço das passagens, com algumas estratégias e mantendo a perseverança é possível encontrar promoções que tornam o valor dos bilhetes menos salgado. Para poder aproveitá-las, deve-se acompanhar os canais oficiais das companhias áreas, já que a maioria delas é divulgada por newsletters ou redes sociais.

Nessa hora, algumas ferramentas podem dar uma ajuda valiosa. Entre as principais, estão os agregadores de pesquisas de passagens, capazes de comparar o preço de uma mesma passagem em vários locais diferentes com poucos cliques.

Além disso, alguns deles indicam tendências sobre a elevação ou queda do valor, permitindo a configuração de alertas que enviam notificações no momento em que o preço fica abaixo de um número predeterminado.

No caso das pessoas com mais sangue frio, algumas promoções costumam acontecer com os bilhetes comprados de última hora, já que para as companhias áreas é melhor ter alguém pagando pouco do que voar com o assento vazio. Mas nunca conte com essa opção para pagar menos.

Outra estratégia comum que as empresas do setor utilizam para não deixar locais vagos é oferecer vantagens a quem paga a passagem com milhas ou pontos acumulados no cartão de crédito.

Há também algumas estratégias com ares de lenda urbana, por serem de difícil comprovação. A mais comum é pesquisar pelas passagens com o histórico do navegador sempre limpo ou abas anônimas. Em tese, isso evitaria que seus interesses fossem analisados pelo site da companhia aérea, um mecanismo utilizado para fazer subir ou descer o preço das passagens.

Além de saber quando comprar passagem pelo menor preço, usar plataformas que rendam o chamado cashback a partir da aquisição é uma estratégia válida para gastar menos. O cashback consiste em um sistema no qual parte dos valores gastos pelo cliente é paga de volta a ele, com o intermédio de sites parceiros. Quando uma quantia mínima for atingida, o resgate é liberado para ser utilizado conforme a vontade do consumidor.

Quer conhecer a melhor forma de obter cashbacks na hora de garantir sua viagem? Então, conheça a Mooba Cashback, que conta com diferentes parceiros que vendem passagens áreas e devolve a você parte do valor pago. Não perca mais tempo e entre em contato conosco!

Deixe uma resposta

Seu email nunca será publicado. Campos obrigários são marcados com *