5 dicas para fazer voos internacionais com segurança

Você que adora viajar para conhecer outros países,  temos algumas dicas para te dar.

Primeiro, se você ainda não comprou sua passagem aérea, aproveite e compre com a Mooba  para ganhar uma parte do dinheiro de volta.

Segundo, para fazer uma viagem internacional, nada melhor do que receber algumas dicas e realizar o voo com toda a segurança, não é mesmo? Então,  veja uma lista com algumas orientações e direitos do consumidor que podem te ajudar muito na hora de sair do país:

  1. Acesso a informação

Ao assinar o contrato, o consumidor tem o direito a ter acesso aos detalhes descritos no pacote. Veja o nome da companhia, horário de embarque. Além disso, cheque se existe translado na chegada, nome e categoria do hotel, padrão de conforto do quarto, se há ou não refeição inclusa, se existem passeios inclusos e se serão discriminados.

  1. Tudo por escrito

Tudo o que for ofertado pela empresa deve ser colocado no papel, seja referente aos voos, hotel, instalações ou passeios. Esses itens devem ser bem detalhados.

  1. Checar situação do país

Antes da viagem é preciso verificar a situação do país será visitado, como checar o clima, a situação política, e qual a diferença de câmbio com a moeda do Brasil.

Para quem viaja para os países do Mercosul, por exemplo, somente a identidade é necessária para entrar no país, mas para a Europa é solicitado o passaporte.

  1. Roubo de bagagem ou extravio

Quando a bagagem é entregue no check-in, passa a ser responsabilidade da companhia aérea ou marítima. Caso a mala seja extravidada, a companhia tem o dever de indenizar o consumidor. Por isso, identifique bem a sua bagagem colocando fitas adesivas, etiqueta de identificação com seus dados.

  1. Problemas? Registre!

Caso o viajante se sinta prejudicado de alguma forma, é orientado fotografar a situação e registrar a empresa para dar força ao argumento para a reparação de danos morais.

Já fez uma viagem internacional? Conte para a gente como foi sua experiência!